top of page

Detecção precoce do câncer de tireoide

Sabemos que a detecção precoce do câncer é uma estratégia para encontrar o tumor numa fase inicial e, assim, possibilitar maior chance de cura.



No câncer de tireoide, a detecção pode ser feita por meio da investigação com exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos, de pessoas com sinais e sintomas sugestivos da doença, ou com exames periódicos em pessoas sem sinais ou sintomas (rastreamento), mas pertencentes a grupos com maior chance de ter a doença.



Mas calma! Não há evidência científica de que o rastreamento do câncer de tireoide traga mais benefícios do que riscos e, portanto, até o momento, ele não é recomendado. O recomendado é que o médico examine a sua tireoide durante a consulta e solicite exames somente se encontrar alguma alteração no exame clínico!



Já o diagnóstico precoce desse tipo de câncer possibilita melhores resultados em seu tratamento e deve ser buscado, principalmente, com a investigação de algum nódulo suspeito na tireoide. A conduta diante dos nódulos tireoideanos está bem estabelecida e vai levar em consideração a idade, o sexo, a apresentação do nódulo e sua evolução, a realização da ultrassonografia e dos exames de sangue. Com essas informações, é avaliada a necessidade ou não da realização de punção aspirativa do nódulo para melhor definição diagnóstica.



Na maior parte das vezes, a presença de um nódulo na tireoide não é câncer, mas é importante que você busque por uma avaliação médica.



7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page