PAAF Punção Aspirativa por Agulha Fina


A punção por agulha fina, ou PAAF, é um dos exames mais importantes para diagnóstico em Cirurgia de Cabeça e Pescoço. É comumente usada para fazer diagnósticos de nódulos de tireoide, nódulos de glândulas salivares, linfonodos aumentados no pescoço ou outros tumores na região do pescoço.


É um exame pouco invasivo, rápido e com poucas complicações. Na maioria das vezes ela é realizada junto com um exame de ultrassom, que serve para direcionar e guiar a punção.


Nada mais é do que uma citologia feita utilizando uma agulha muito fina, que penetra no pescoço (no local guiado pelo ultrassom) e retira algumas células que são analisadas no microscópio. Essa análise, na maioria das vezes, consegue definir a natureza da lesão estudada, ou no mínimo dar alguma pista para o prosseguimento da investigação. Não é uma biópsia pois não retira fragmentos do tecido, apenas células, por isso é chamada de citologia, embora no dia a dia, muitas vezes chamamos a PAAF de biopsia.


É um exame ambulatorial, feito com anestesia local, ou seja, você faz e vai para casa logo após!


E ainda podemos usar a PAAF para pesquisar certas substâncias no líquido aspirado, como a tireoglobulina e a calcitonina, que pode definir lesões de natureza tireoideana, principalmente em linfonodos, e o PTH, quando a suspeita é de uma lesão de paratireoide. Interessante, não é?


Você tem dúvidas sobre a punção? Deixa aqui nos comentários!

#drbertelli #cirurgiadecabecaepescoco #paaf #punção #tireoide #nodulodetireoide

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo